Previsões de Segurança da Informação 2018

Os ataques em Linux irão aumentar, e no mínimo, em dobro!

 

Com os botnets de IoT adicionados ao seu roteiro, os hackers agora estão procurando superá-los explorando o Linux. Muitos dispositivos IoT embarcam sistemas Linux de baixo custo, que são conhecidos ​​por ter padrões de segurança não tão elevados. E ao criar apenas um pequeno código de malware para esta base operacional de sistema, esses atacantes projetam dobrar seu poder de botnets.

O malware para Linux representou 36% dos maiores malwares dentro do primeiro trimestre de 2017 e o WatchGuard Threat Lab, analisando esta estratégia do cibercrime, também espera que este número dobre em 2018. Esses atacantes podem estar criando um botnet capaz de derrubar qualquer site, mas aqueles que realmente se protegem com soluções unificadas de gerenciamento de ameaças (UTM), estão melhor posicionados para enfrentar esta tempestade.

Continue acompanhando nossa cobertura, pois em breve voltaremos com mais previsões para Segurança da Informação em 2018.

Cadastre-se em nossa Newsletter