Por que fazer da internet segura por apenas 01 dia, se você ainda tem mais 364 dias para se preocupar?

 

É inegável que a internet já é parte da rotina de todos nós. Seja para uso pessoal, educacional ou profissional, a rede mundial de computadores nos conecta a um mundo de informações e interações. Porém seu uso contém inúmeros riscos à integridade moral (inclusive física) dos usuários, além de ser uma porta aberta em potencial para diversas formas de cibercrime.
 
Como especialistas em Segurança da Informação, conhecemos o cibercrime e recomendamos que sejam evitados acessos a links desconhecidos, conteúdos duvidosos ou serviços reconhecidamente nocivos na rede, pois isso acarreta na infecção de redes (domésticas e corporativas) mesmo que usuário não tenha tido intenção. No entanto, um uso seguro da internet vai muito além disso. 
 
É nosso dever se atentar aos riscos da internet e nos protegermos contra ações maliciosas, agindo com cautela e prevenção. Mas, se a rede possui diversos tipos de conteúdo e usuários, como recomendar segurança para estes diversos públicos?
 
O CGI.br (Comitê Gestor da Internet no Brasil) oferece guias de uso seguro da internet para três perfis de usuário: jovens, adultos e idosos. Os materiais contém dicas valiosas de como os usuários devem se portar para obter o melhor da internet, livre de riscos e exposições desnecessárias. Confira abaixo os materiais disponibilizados:

Cadastre-se em nossa Newsletter